lucas arantes

http://www.myspace.com/lucasarantes

Rainha

with 2 comments

As flores vinham com cheiro de manteiga essa negra no fogão

Depois lamentavam de seus provérbios, fantasias, maldizeres

boa mãe, como muitas na visão do clã: o velho incentiva a garota

 

Agora, seu corpo caiu e foi perdendo textura, massa, diâmetro no azulejo:

Isso depois de rir o quanto era grata pelos 80 anos de construção

você está parecendo uma rainha indígena, é que estou retrocedendo

junto com a memória: Era isso! A porta do carro abrindo

o dia da árvore, seu “eu” em construção:

Minha filha, você parece uma rainha indígena. mas

 

Ninguém vai acreditar: agora.

 

estou retrocedendo.

 

Anúncios

Written by lucasarantes

julho 14, 2008 às 4:14 am

Publicado em literatura

Tagged with , , ,

2 Respostas

Subscribe to comments with RSS.

  1. cadê ocê? tomô chá de sumiço, foi? beijim, bcb, Erika

    Erika

    julho 15, 2008 at 5:48 pm

  2. Para deixar meu abraço, poeta.

    Alfredo

    Alfredo Rossetti

    julho 26, 2008 at 11:49 pm


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: