lucas arantes

http://www.myspace.com/lucasarantes

fome, de Knut Hamsun

leave a comment »

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

“Fome”, com direção de Henning Carlsen, é a adaptação do inominável livro do norueguês Knut Hamsun. O livro foi traduzido no Brasil por Carlos Drummond de Andrade e narra as agruras de um escritor miserável. O livro é uma espécie de extensão do livro e aumenta o poder da história. É claro que não vale a pena ver o filme antes do livro, pois o ator Per Oscarsson, que venceu o prêmio de melhor ator de Cannes (1966) pelo filme, cola na nossa memória por sua sublime interpretação – algo raro de se ver hoje em dia no cinema. O próprio diretor afirma que “fazer um romance em outro meio, como um filme, é, na verdade, uma forma de estupro”. Isso porque a imagem não diz mais que mil palavras. Mas com tanto talento, ele fez um filme sem ser exótico nem moderno, mas eterno.

O filme é forte ao descrever o orgulho de um faminto e suas peripécias, mentiras e alucinações para continuar vivendo em um mundo que só ele vê. O personagem está sempre sozinho. O escritor Paul Auster (que fez um extenso trabalho sobre a temática fome na arte, tendo como ponto de partida a história de Hamsum) descreveu o filme como uma espécie de sonho.

Em “Fome”, a alma é o personagem principal e é o primeiro livro que mostrou o lado interno de uma personagem. Na Noruega, o escritor é quase um Deus. Aqui, quase um desconhecido. Mas o personagem de Fome parece não ligar muito para o reconhecimento. Aliás, porque isso importa tanto?

Anúncios

Written by lucasarantes

novembro 20, 2010 às 9:48 pm

Publicado em cinema

Tagged with , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: